4 benefícios das infusões que vão melhorar a sua rotina Publicado 27/05/2020
4 benefícios das infusões que vão melhorar a sua rotina

Quantas vezes você já arrancou uma folha de hortelã e jogou água quente em cima para tomar um chá? É uma bebida saborosa e saudável, mas na verdade não se trata de um chá, e sim de uma infusão. Versáteis e cheias de propriedades que fazem bem à saúde, as infusões fazem parte do dia a dia dos brasileiros há bastante tempo. "O hábito de infusionar folhas vem de longe e está na nossa origem e influência indígena", explica o tea sommelier e CEO da rede de chás Tea Shop, Michel Bitencourt.

E qual é a diferença entre chá e infusão? Bem simples: todo o chá é uma infusão, mas nem toda a infusão é um chá. Quimicamente, infusão é a bebida que resulta da imersão de alguns ingredientes em água quente. No mundo dos chás, chamamos de infusões todas as bebidas que resultam deste processo e que não provêm da planta Camellia sinensis, planta originária da Ásia e que se popularizou pelo mundo. Só as infusões de folhas da Camellia sinensis são chamadas de chá.

Mas é quando se fala em propriedades que as infusões se destacam pela riqueza e variedade. Elas podem ser tomadas em diferentes momentos do dia e auxiliam em diversas funções do organismo, de acordo com o estilo de vida de quem consome. Veja a seguir quatro propriedades frequentes das infusões selecionadas pelo Coordenador de Lojas e Treinamento Raúl Cotes, da Tea Shop:

 

1. Digestivas

 

A correria diária e hábitos alimentares pouco saudáveis – cada vez mais frequentes – causam má digestão, dor de estômago, acidez e outros transtornos digestivos. Perfeitas para depois das refeições, essas infusões auxiliam na digestão dos alimentos, deixando uma sensação de leveza e bem-estar após o almoço ou a janta. A camomila continua sendo a rainha das plantas digestivas, junto ao anis, menta, funcho, alcaçuz e outras. É aconselhável consumir estas infusões quentes, já que parte de suas propriedades são encontradas em seus óleos essenciais que evaporam no resfriamento da infusão.

 

2. Vitamínicas

Os ingredientes de uma mescla podem promover muito mais do que a sensação de relaxamento ou bem-estar após as refeições. Existem infusões que promovem um up de vitaminas no organismo. As frutas desidratadas são as protagonistas dessas misturas, acompanhadas geralmente pelo hibisco, que confere um sabor fresco, a cor avermelhada e uma importante quantidade de Vitamina C. Podem ser tomadas geladas e quentes e são um excelente acompanhamento em qualquer ocasião.

 

3. Relaxantes

Dentro das plantas com propriedades relaxantes e sedativas, existem aquelas com efeitos suaves para aliviar a insônia, o nervosismo e a irritabilidade. A valeriana, a flor de laranjeira, a lavanda e o jasmim são bons exemplos. Nestes casos, o efeito relaxante próprio da planta une-se à sensação de bem-estar que acompanha a ingestão de um líquido quente. 

Veja aqui 5 infusões perfeitas para reduzir o estresse em tempos de pandemia.

 

4. Revitalizantes

Desde a antiguidade, o uso das especiarias está ligado à medicina e tratamentos tradicionais. Chamamos de especiaria um item vegetal que possui propriedades aromáticas e pode compreender sementes, frutos, raízes, estigmas florais, ramos, brotos, folhas ou outras partes de uma planta, como, por exemplo, canela, cravo, cardamomo, gengibre). O sabor e o aroma das especiarias se devem aos óleos essenciais, empregados na conservação de alimentos, na cosmética ou na saúde. As infusões de especiarias exercem um efeito tonificante sobre o organismo. Não são recomendáveis para crianças por seus sabores intensos e seu efeito ligeiramente irritante ao estômago.

 

E aí, gostou?