Mitos e verdades sobre chá na alimentação das crianças

Publicado 04/10/2022

Os chás e infusões já são muito conhecidos por suas propriedades nutritivas, calmantes e digestivas. Para os pais, é uma maneira fácil de incluir ingredientes naturais e saudáveis de uma forma diferente na alimentação dos filhos, já conquistando os pequenos pelo aroma agradável e aparência colorida e atrativa. 

 

Cada vez mais, a tendência é substituir bebidas industrializadas como refrigerantes e sucos de caixinhas, por bebidas naturais e saborosas como o chá. Mesmo assim, muitas dúvidas podem surgir na hora de oferecer a bebida aos pequenos. 

 

| Entenda os benefícios do chá para as crianças 

 

 

 

Mitos e verdades sobre chás na alimentação das crianças

 

 1. Crianças pequenas não podem tomar chá

Mito! Depois dos seis meses, os pequenos podem se beneficiar das diferentes propriedades das plantas, ervas e frutas usadas para as infusões. Já os chás, provenientes da planta Camellia sinensis (chá preto, chá oolong, chá vermelho, chá verde e chá branco), são mais recomendados para adultos porque possuem teína, a cafeína dos chás. Apesar disso, é importante entender que cada chá oferece um nível diferente de teína, o que faz com que o chá branco seja muito menos estimulante que o chá preto, por exemplo. 

 

 

2. Chás ajudam no sono das crianças

Verdade! Algumas infusões têm ingredientes com propriedades que tranquilizam e ajudam a ter um sono de qualidade. A camomila ou melissa, por exemplo, favorecem a diminuição da ansiedade e do estresse, tanto para adultos como para crianças. Na hora de escolher a melhor opção, é importante lembrar que é importante que a infusão seja de ingredientes naturais, sem adição de açúcares e corantes.

 

 

3. Chás ajudam as crianças a terem energia

Parcialmente verdade. Alguns chás possuem teína, propriedade estimulante que ajuda nossa concentração e energia. Porém, as crianças não devem receber estimulantes como esses até os seis anos de idade, e após essa idade, ainda precisa ser utilizada com cautela. Em outras palavras, tudo bem se a criança provar algumas bebidas com cafeína, mas tornar isso uma rotina pode causar insônia ou agitação. 

 

 

4. Não é recomendado beber chá durante a gravidez

Mito! O importante, antes de tudo, é buscar orientação médica que analisará o caso individualmente. Algumas infusões, como as que levam canela, não são recomendadas durante a gestação, mas outras - como as infusões frutadas - continuam sendo saudáveis e funcionais para qualquer fase da vida. 

 

 

5. Preciso adoçar o chá antes de oferecer para a criança 

Mito! Na verdade, não é recomendado oferecer açúcar para as crianças antes do primeiro ano de vida. Mas mesmo depois dessa idade, o açúcar estimula um paladar que sempre buscará por mais doces industrializados.  As infusões de frutas, flores ou rooibos, por exemplo, são naturalmente doces e agradam facilmente o gosto das crianças. 

 

 

6. Criança não gosta de chá 

Mito! Existem diversos tipos de infusões, que incluem ingredientes já amados pelas crianças, como morango, baunilha ou até mesmo chocolate. Por isso, substituir o refrigerante ou o achocolatado por uma bebida natural e saudável pode ser mais fácil do que você imagina. 

 

Se tiver dúvidas sobre qual infusão oferecer para seus filhos, clique aqui e conheça algumas infusões sem teína e cheias de vitaminas, nutrientes e sais minerais. 

 

Gostou de saber mais sobre as funcionalidades do chá? Inscreva-se na nossa newsletter e receba mais conteúdos como esse sobre o apaixonante mundo dos chás!